Revista Virtual de Artes, com ênfase na pintura do século XIX

Posts com tag “pintura

Trio: George Goodwin Kilburne (Reino Unido)

George Goodwin Kilburne - Young Lady with a Tennis Racquet

the harpist-George Goodwin Kilburne (british,1839-1924)

50.George Goodwin Kilburne (british,1839-1924)

GEORGE GOODWIN KILBURNE
(Hackford, Reino Unido, 24 de julho de 1839 – Londres, Reino Unido, setembro de 1924)



“Eu quero uma casa no campo”…

THOMAS JAMES LLHOYD


Peder Mork Monsted - Cottages At Hjornbaek, 1924

PEDER MORK MONSTED


Coffee in the Garden - Daniel Ridgway Knight

DANIEL RIDGWAY KNIGHT


wielm-menzler-wmLa fille de ferme_Gustave Boulanger

WILHELM MENZLER                                                                                GUSTAVE BOULANGER


MYLES BIRKET FOSTER_A lace makerHelen Allingham - Cottage at Bothenhampton, Dorset

MYLES BIRKET FOSTER                                                                              HELEN ALLINGHAM


King_Henry John_Yeend (1855-1924)_at_the_Duck_pondThe Cider Mill - 1880 - John George Brown (american painter)

HENRY JOHN YEEND KING                                                                            JOHN GEORGE BROWN



Mais do mesmo – Henry Holyday: Dante e Beatriz

Dante y Beatriz- Henry Holiday

PINTURA

MPK04157

GRAVURA



Um(a) autor(a), duas obras: JIANG QING YI (Derzhen ou Der Jen) – 2

JIANG QING YI (conhecida como Derzhen ou Der Jen)
(Taipei, Taiwan, China, 14 de abril de 1974 – 11 de abril de 2012)

4.jiang-qing-yi2.jiang-qing-yi-


Um autor, duas obras: Florent Willems

florent-willems-002florent-willems-0008

FLORENT JOSEPH MARIE WILLEMS

(Liège, Bélgica, 08 de janeiro de 1823- Neuilly-sur-Seine, França, 23 de outubro de 1905)


Com agulhas de prata

gunnar-berndtson

Com agulhas de prata
de brilho tão fino
bordai as sedas do vosso destino.

Bordai as tristezas
de todos os dias
e repentinamente as alegrias.

Que fiquem as sedas
muito primorosas
mesmo com lágrimas presas nas rosas.

Com agulhas de prata
de brilho tão frio…
ai, bordai as sedas,
sem partir o fio !

Cecília Meireles


As pombas

Chaplin-A_Beauty_with_Doves

AS POMBAS

Vai-se a primeira pomba despertada…
Vai-se outra mais… mais outra… enfim dezenas
De pombas vão-se dos pombais, apenas
Raia sanguínea e fresca a madrugada…

E à tarde, quando a rígida nortada
Sopra, aos pombais de novo elas, serenas,
Ruflando as asas, sacudindo as penas,
Voltam todas em bando e em revoada…

Também dos corações onde abotoam,
Os sonhos, um por um, céleres voam,
Como voam as pombas dos pombais;

No azul da adolescência as asas soltam,
Fogem… Mas aos pombais as pombas voltam,
E eles aos corações não voltam mais…

Raimundo Correia


Vens de longe…

clair_de_la_lune-louis_maeterlinck

Tu vens de longe; a pedra
Suavizou seu tempo
Para entalhar-te o rosto
Ensimesmado e lento

Teu rosto como um templo
Voltado para o oriente
Remoto como o nunca
Eterno como o sempre

E que subitamente
Se aclara e movimenta
Como se a chuva e o vento

Cedessem seu momento
À pura claridade
Do sol do amor intenso!

Vinícius de Morais


O universo não é uma ideia minha…

Magritte_the_human_condition

O Universo não é uma ideia minha.
A minha ideia do Universo é que é uma ideia minha.
A noite não anoitece pelos meus olhos,
A minha ideia da noite é que anoitece por meus olhos.
Fora de eu pensar e de haver quaisquer pensamentos
A noite anoitece concretamente
E o fulgor das estrelas existe como se tivesse peso 
  
Alberto Caieiro

(heterônimo de Fernando Pessoa)

Pintura: Rene Magritte


Um autor, duas obras – Johannes Vermeer

Vermeer-lady_standing_at_a_virginalVermeer-lady_seated_at_a_virginal

Johannes Vermeer

(Delft, Holanda, 31 de Outubro de 1632 – Delft, Holanda, 15 de Dezembro de 1675)


Pintura orientalista: Um autor, duas obras

FrederickArthurBridgman-on_the_terraceFrederickArthurBridgman_in_the_courtyard

FREDERICK ARTHUR BRIDGMAN

(Tuskegee, Alabama, EUA, 10 de novembro de 1847 – Rouen, França, 13 janeiro de 1928)



Pintura: Um autor, duas obras

Portielje_Jan_Frederik_Pieter_Admiring_Her_JewelsJan_Portielje_2

JAN FREDERIK PIETER PORTIELJE

(pintor holandês, 1829-1895)

barraV


Pintura: Um autor, duas obras

Lynch-Albert-Portrait-Of-An-Elegant-Ladyalbert-lynch-22

ALBERT LYNCH

(Lima, Peru, 1851 – Lima, Peru, 1912)



Serenata

MarieSpartaliStilmann-mes

Permita que eu feche os meus olhos,
pois é muito longe e tão tarde!
Pensei que era apenas demora,
e cantando pus-me a esperar-te.
Permita que agora emudeça:
que me conforme em ser sozinha.
Há uma doce luz no silêncio, e a dor é de origem divina.
Permita que eu volte o meu rosto para um céu maior que este mundo,
e aprenda a ser dócil no sonho como as estrelas no seu rumo.

Cecília Meireles

rosegif


Pintura: O Trompe l´oeil

TROMPE L ´OEIL

146

Recurso técnico-artístico empregado com a finalidade de criar uma ilusão de ótica, como indica o sentido francês da expressão: tromper, "enganar", l’oeil, "o olho". Seja pelo emprego de detalhes realistas, seja pelo uso da perspectiva e/ou do claro-escuro, a imagem representada com o auxílio do trompe l’oeil cria no observador a ilusão de que ele está diante de um objeto real em três dimensões e não de uma representação bidimensional. O objetivo do procedimento é, portanto, alterar a percepção de quem vê a obra. O termo, ainda que de início aplicado à pintura de períodos em que predomina o naturalismo – por exemplo, na Grécia Antiga e no Renascimento italiano, se generaliza no vocabulário crítico e passa a referir-se a qualquer forma de ilusionismo acentuado empregado nas artes. Na arquitetura, a decoração ilusionista em que a pintura de forros e paredes altera a percepção do tamanho do espaço (denominada quadratura), é considerada um tipo de trompe l’oeil. Andrea Pozzo (1642 – 1709) é um dos maiores praticantes desse ilusionismo decorativo, típico do barroco. Seu mais importante trabalho de quadratura é o enorme afresco Alegoria da Obra Missionária dos Jesuítas, 1691/1694, no forro da igreja de S. Ignazio, em Roma.

LEIA MAIS: ITAÚ CULTURAL


GALERIA TROMPE L ´OEIL -  1

WilliamMichaelHarnett_the_old_cupboard_doorwilliam_michael_harnett_001_vecchi_oggetti_1892

WILLIAM MICHAEL HARNETT


JohnPeto1JohnFrederickPeto

JOHN FREDERICK PETO


Edward_Colliers_trompe_loeil_painting_art_academy

EDWARD COLLIERS


cafem

Café em San Jose, Califórnia, EUA – por JOHN PUGH


jacques-poirier-7-jacques-poirier--9

Jacques Poirierjacques-poirier--35

JACQUES POIRIER (França, 1928-2002)


!Castello_di_Belgioioso,_trompe_l'oeil

Castelo de BELGIOIOSO – Lombardia, Itália



Pintura: Arturo Ricci

Arturo Ricci  (Florença, Itália, 1854 – 1919)

Foi aluno de Tito Conti (1842-1924), então professor na "Accademia di Belle Arti di Firenze" (Academia de Belas Artes de Florença) e que o influenciou na escolha do tema pictórico: as chamadas cenas de gênero.
Suas telas eram frequentemente centradas em torno de ocasiões cerimoniais (como casamentos e banquetes), onde capturava as trocas de olhares e gestos que tão eloquentemente evocavam as intimidades da vida doméstica. Ele também pintou paisagens.


GALERIA ARTURO RICCI – 2

ArturoRicci

ARicciARicci(74)ArturoRicc_2--arturo-ricci-3a

arturo-ricci--5--

VEJA TAMBÉM: GALERIA ARTURO RICCI – 1



Ainda que…

 

Van Beers, Jan - A Love Match

Ainda que mal pergunte,
ainda que mal respondas;
ainda que mal te entendas,
ainda que mal repitas;
ainda que mal insista,
ainda que mal desculpes;
ainda que mal me exprima,
ainda que mal me julgues;
ainda que mal me mostre,
ainda que mal me vejas;
ainda que mal te encare,
ainda que mal te furtes;
ainda que mal te siga,
ainda que mal te voltes;
ainda que mal te ame,
ainda que mal o saibas;
ainda que mal te agarre,
ainda que mal te mates;
ainda, assim, pergunto:
me amas?
E me queimando em teu seio,
me salvo e me dano…
… de amor.
(Carlos Drumond de Andrade)


Pintura: Sir Lawrence Alma-Tadema

Sir Lawrence Alma-Tadema (Dronrijp, Holanda 8 de janeiro de 1836 – Wiesbaden, Alemanha, 26 de junho de 1912)

Pintor, projetista, entalhador e ilustrador. Um dos mais proeminentes pintores e desenhistas do neoclassicismo europeu.


GALERIA SIR LAWRENCE ALMA TADEMA – 1

_almatadema-offertadiestatealma6

1-1-AlmaTadema4Alma-Tadema

142211904_Lawrence_Alma-Tadema_-_The_Finding_of_Moses

12n_AlmaTademaalma tademaBAlma_Tadema_1Alma_Tadema_The_Honeymoon

alma tadema-1-AlmaTadema01




Pintura: Sir Lawrence Alma-Tadema (2)

Sir Lawrence Alma-Tadema (Dronrijp, Holanda 8 de janeiro de 1836 – Wiesbaden, Alemanha, 26 de junho de 1912)


GALERIA SIR LAWRENCE ALMA-TADEMA – 2

almatadema2BHer eyes are with Her thoghts - Lawrence Alma-Tademasir_lawrence_alma_tadema_on_the_steps_of_the_capitol (2)ALMA-TADEMA_08amalma-tadema-78-AlmaTademaCourtship_-_the_proposal

AntidoteCynaraAlmaTademathe-baths-of-caracalla


Pintura Contemporânea: STEVE HANKS (2)

BIOGRAFIA E GALERIA 1


GALERIA STEVE HANKS (AQUARELAS) – CRIANÇAS – 2

46steveHankshanks-2x-50SteveHankshanks-natures-beautyHanks_Steve_Candle_In_The_Wind

steveHanks-v (2)SteveHanks-horseSteve-Hanks-The-Old-Fashioned-Dress,-De

SteveHanks-x


 


Canção do dia de sempre…

EricMontoya_Perennial21

 

Tão bom viver dia a dia…
A vida assim, jamais cansa…

Viver tão só de momentos
Como estas nuvens no céu…

E só ganhar, toda a vida,
Inexperiência… esperança…

E a rosa louca dos ventos
Presa à copa do chapéu.

Nunca dês um nome a um rio:
Sempre é outro rio a passar.

Nada jamais continua,
Tudo vai recomeçar!

E sem nenhuma lembrança
Das outras vezes perdidas,
Atiro a rosa do sonho
Nas tuas mãos distraídas…

Mario Quintana

Pintura: Eric Montoya