Revista Virtual de Artes, com ênfase na pintura do século XIX

Mora em nós…

melancholy-Louis-Jean-François-I-Lagrenee

“Mora em nós a madrasta (a ser perdoada).

Mora em nós a criança perdida (cujo nome se ouve noite adentro).

Mora em nós este imenso maternal vazio,

que acalenta os nossos sonhos, em cujo colo adormecemos.”

Rubem Alves

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s