Revista Virtual de Artes, com ênfase na pintura do século XIX

Retrato de corpo inteiro…

AugusteMansfeld

No azul do teu peito
ensolarado
há espelhos de cristal
multiplicando imagens.

Emergem risos
lágrimas
promessas
olhares infantis
perdidamente
infinitamente
apaixonados
adolescentes.

A vida renasce
das tuas mãos
trêmulas
entrelaçadas
– há muito tempo entrelaçadas-
Reencontradas.

No espaço secreto
da memória,
nosso retrato
– De corpo inteiro –
É o quadro mais bonito
que se pode iluminar.

(Anna Maria Feitosa)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s