Anúncios

Revista Virtual de Artes, com ênfase na pintura do século XIX

Pintura: Mulheres e flores – 6

CONSELHO

Cerca de grandes muros quem te sonhas.
Depois, onde é visível o jardim
Através do portão de grade dada,
Põe quantas flores são as mais risonhas,
Para que te conheçam só assim.
Onde ninguém o vir não ponhas nada.
Faze canteiros como os que outros têm,
Onde os olhares possam entrever
O teu jardim como lho vais mostrar.
Mas onde és teu, e nunca o vê ninguém,
Deixa as flores que vêm do chão crescer
E deixa as ervas naturais medrar.

Faze de ti um duplo ser guardado;
E que ninguém, que veja e fite, possa
Saber mais que um jardim de quem tu és –
Um jardim ostensivo e reservado,
Por trás do qual a flor nativa roça
A erva tão pobre que nem tu a vês…

Fernando Pessoa


GALERIA MULHERES E FLORES – 6

JeanFaust-Gaskell_George_Arthur_Rising_Spring

JEAN FAUST                                                                    GEORGE ARTHUR GASKELL


Irolli_Vincenzo_Far_Away_Thoughts_Francis_Coates_Jones

VINCENZO IROLLI                                                                            FRANCIS COATES JONES


DanteGRossetti1Narcissus (Waterhouse 1912)_jpg

DANTE GABRIEL ROSSETTI                                                           JOHN WILLIAM WATERHOUSE


vasily-tropinin-0françois-louis-lanfant-de-metz

VASILY TROPININ                                               FRANÇOIS LOUIS LANFANT DE METZ


nathaniel-sichl-62

NATHANIEL SICHEL


blaas Venetian_flower_seller

EUGEN VON BLAAS (EUGENE DE BLAAS)


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s